sábado, outubro 06, 2007

Planeta Terror

Título Original:
"Planet Terror" (2007)

Realização:
Robert Rodriguez

Argumento:
Robert Rodriguez

Actores:
Rose McGowan – Cherry Darling
Freddy Rodriguez – EL Wray
Marley Shelton - Dra. Dakota Block
Josh Brolin - Dr. William Block


Aproximadamente dois meses após Á Prova de Morte de Quentin Tarantino, Robert Rodriguez apresenta-nos Planeta Terror, a sua visão dos filmes de série Z das salas de cinema grindhouse. A isso Rodriguez acrescentou uma clara homenagem aos filmes de zombies, com a destreza de não tornar o filme ridículo e risível por isso. Aqui os zombies têm uma origem explicada e brutal apetite por seres humanos bem fresquinhos. Acção, violência, sátira e uma pitadazinha de romance completam a receita do filme.

Rodriguez inicia o filme com uma dança em que a sua mulher, Rose McGowan, esbanja sensualidade. Ela é Cherry, a protagonista, uma stripper que vive numa pequena localidade do Texas onde a propagação de uma substância química de uma base militar se alastra e provoca uma doença altamente contagiosa que transforma os habitantes em zombies sedentos de sangue e carne dos poucos que ainda não foram contagiados.

É justamente por ser atacada por zombies que Cherry perde uma perna que Wray, o antigo namorado que é um justiceiro habilidoso com armas, substitui por uma poderosa metralhadora que se torna na forma mais eficaz de acabar com os pestilentos zombies.

Liderando um pequeno grupo que inclui uma médica com pavor do marido paranóico, duas gémeas, um dono de uma decadente churrasqueira e o seu irmão xerife, Cherry e Wray lutam para encontrar um lugar seguro para o que resta da humanidade.

Se em Á Prova de Morte assistimos ao esbanjar da excentricidade de Tarantino, em Planeta Terror Robriguez privilegia uma história mais consistente, que prende a nossa atenção, sem exagerar em relação à utilização da estética de imagem grindhouse, que usa com menos frequência do que o amigo Tarantino. Em relação aos filmes que anteriormente fez, talvez seja neste que Rodriguez tenha tido um à vontade maior para dar largas à sua imaginação, ou não se tivesse ele encarregado da realização, fotografia, edição, música e argumento de Planeta Terror.

® Isabel Fernandes

2 Comments:

At 10:40 da tarde, Blogger Flávio said...

Gostei assim assim do filme, esperava mais do Rodriguez. O melhor momento: o Freddy Rodriguez em cima da mini-mota.

 
At 1:26 da manhã, Anonymous Tainan said...

Estou esperando anciosament a estreia do filme no cine nesta sexta finalment

 

Enviar um comentário

<< Home