sexta-feira, janeiro 20, 2006

Aliens - O Reencontro Final

Título Original:
"Aliens" (1986)

Realização:
James Cameron

Argumento:
James Cameron, Dan O'Bannon, Ronald Shusett, David Giler & Walter Hill

Actores:
Sigourney Weaver - Ellen Ripley
Michael Biehn - Cpl. Dwayne Hicks
Carrie Henn - Rebecca 'Newt' Jorden
Lance Henriksen - Bishop


Apesar da grande maioria dos filmes de acção não reunirem por norma grande consenso à volta da sua qualidade ou falta dela existem, na minha humilde opinião, umas quantas excepções. Se quando falei por exemplo de Bad Boys deixei bem patente que a alta nota que lhe dava tinha muito a haver com o que o filme representava para mim e como tal um 6/7 em 10 era provavelmente a nota mais adequada, julgo que quando se trata de uma obra como Aliens não há grande volta a dar-lhe. Chamar-lhe um bom filme de acção é pouco... muito pouco! Referir este filme como um dos melhores, senão o melhor filme de acção/ficção-científica alguma vez feitos... bom, talvez aí já haja um pouco mais de verdade.

Quando a nave Narcissus é por acaso encontrada e a tenente Ripley (Sigourney Weaver) é acordada do seu hipersono, 57 anos já se passaram desde os acontecimentos testemunhados em Alien. Ainda a recuperar do choque do que ocorreu na Nostromo Ripley descobre que o planeta LV-426, local onde os aliens foram encontrados no primeiro filme, foi colonizado e o contacto com a colónia perdido. A pedido especial de um representante da companhia Weyland Yutani Ripley acaba por embarcar com uma equipa de soldados para investigar o que terá ocorrido em LV-426.

Bom, uma das primeiras coisas a destacar neste filme é, indiscutivelmente, a sua actualidade. Vai este ano fazer 20 anos que o filme foi estreado e tudo nele continua actual. A acção, os efeitos especiais, a história... tudo! Costuma-se dizer que a forma como os filmes se aguentam ao longo dos anos é indicativo da sua qualidade. Aliens, a esse respeito, é sem dúvida um exemplo! Alien: Resurrection, por exemplo, bem que podia ter “aprendido” alguma coisa. Bom, como deixado patente, os efeitos especiais do filme continuam a funcionar muito bem. Numa altura em que CG era um um sonho distante esta obra é de uma qualidade impressionante. Relativamente ao elenco todos cumprem muito bem o seu papel com particular destaque para Ripley (Weaver), Hicks (Biehn), Newt (Henn) e Bishop (Henriksen) que assentam que nem uma luva às sua personagens. A nível de história é difícil apontar algo de errado. A transição em relação ao primeiro filme, Alien, é fantástica e Aliens consegue igualmente entrar na história como uma das poucas sequelas que pouco ou nada fica a dever ao original em termos de qualidade.
James Cameron tem uma realização espantosa, sem mácula naquele que, para mim, é um dos seus melhores senão o seu melhor filme de sempre.

Para todos os que tiverem a oportunidade aconselho a edição especial, que conta com umas quantas cenas adicionais que ajudam a compreender melhor o início da história (como fica a colónia infestada), e dão uma maior dimensão humana a Ripley devido ao drama por si vivido após 57 anos em hipersono. Este maior foco sobre Ripley ajuda igualmente a entender melhor o porquê da sua intensa relação com Newt.

Para concluir julgo que resta muito pouco para dizer. Tal como com alguns filmes, torna-se difícil fazer uma crítica a Aliens sem cair na repetição. Como cine-maníaco que continua a sonhar em ser realizador de cinema o maior elogio que posso fazer a esta obra é, de um conjunto muito restricto de filmes que gostava de ter realizado, este é sem margem para dúvidas um deles. Intenso, arrebatador em todos os sentidos, Aliens é uma daquelas obras que marcou para todo o sempre o cinema, muito especialmente o género acção/ficção-científico. A ver, a rever e rever outra vez... espantoso!

Bons filmes e até para a semana.

® Bruno Sá

5 Comments:

At 7:15 da tarde, Blogger membio said...

este filme marcou-me imenso, comecei a olhar com outros olhos o cinema por causa deste filme. Se o meu sonho fosse ser cineasta, provavelmente este seria o filme que me faria entrar nesse mundo :)

 
At 9:42 da tarde, Anonymous S0LO said...

Um filme marcante, sem qualquer dúvida. Tenho-o aqui em casa e de vez em quando gosto de o rever :).

Abraço

 
At 2:53 da tarde, Blogger cine-asia said...

Grande filme. Uma verdadeira corrida contra os aliens. è k não é só um... são montes deles!!! Grande filme do James Cameron!

Cumprimentos,

Sérgio Lopes

 
At 2:29 da manhã, Blogger wasted blues said...

A saga Alien é um dos meus guilty pleasures! Já vi os filmes várias vezes e estou sempre pronta para os rever. Só não gosto do último, realizado pelo Jeunet.

 
At 10:52 da tarde, Anonymous Armindo Teixeira said...

Sou fã dos filmes de ficção cientifica e digo o seguinte sobre a saga Aliens. F A N T A S T I C O.

 

Enviar um comentário

<< Home