domingo, maio 29, 2005

Realizador da Semana: Tim Burton

“Os meus filmes saem do meu corpo, do meu coração e da minha paixão” – diz ele. Imaginário delirante; Espírito gótico; Universo freak - é ele.

Californiano de 46 anos, Timothy William Burton, passou a infância com poucos amigos e um mínimo de vida social, onde “perdia” tempo a ver filmes de terror, o que o influenciou decisivamente, tendo como máximos exemplos Mario Bava, Vincent Price e Roger Corman.

Começou ainda muito novo como animador na Disney, passando algum tempo depois para o cinema mais convencional com o estreante êxito de bilheteira A Grande Aventura de Pee-Wee Herman. Seguiu-se Beetle Juice - Os Fantasmas Divertem-se, ganhando depois grande poder em Hollywood com Batman.

Mas a verdadeira consagração veio com o célebre e autobiográfico Eduardo Mãos de Tesoura antecedido do deliciosamente obscuro Batman Regressa.
Ed Wood foi a perfeita homenagem ao realizador homónimo, tendo antes se aliado a Henry Selick para criar a fábula natalícia O Estranho Mundo de Jack. Marte Ataca!, fabulosa sátira americana, o soturno A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça e o competente blockbuster Planeta dos Macacos foram os seguintes.
O belíssimo poema adulto intimista O Grande Peixe foi a nossa mais recente estreia, mas já há 2 quase na forja (Charlie and The Chocolate Factory e Corpse Bride).

Fascinado pelos incompreendidos e os marginais, Burton soube como poucos confortar as nossas diferenças e iluminar os fantasmas e sombras da nossa infância.
Agradecidos estamos nós.

® Artur Almeida

1 Comments:

At 6:51 da tarde, Blogger Banda said...

Tim Burton é realmente o melhor diretor ♥
eu sempre viajo' com os filmes dele. os filmes sempre me fazem pensar sobre como a vida não é como nós pensamos que seja

eu amo Tim Burton

 

Enviar um comentário

<< Home