sexta-feira, janeiro 13, 2006

Pesadelo em Elm Street

Título Original:
"A Nightmare On Elm Street" (1984)

Realização:
Wes Craven

Argumento:
Wes Craven

Actores:
Robert Englund - Freddy Krueger
Heather Langenkamp - Nancy Thompson
Johnny Depp - Glen Lantz



Filmes de terror são muitas vezes vistos como sendo de 2ª categoria, um pouco como filmes pornográficos em que a ideia é sempre a mesma e não existe espaço para grandes argumentos, interpretações, etc. Com o sucesso de filmes como
Scream e suas sequelas (oficiais ou as meras cópias com que fomos brindados) e principalmente com a recente vaga de cinema de terror oriental com seus incríveis argumentos e temas explorados (mostrando que existe espaço para a criatividade e qualidade neste campo), a situação tem vindo a mudar e no presente é um género que começa a ser visto de outra forma.


Para mim, que sempre fui um fã do cinema de terror, muitas obras ao longo dos anos foram marcando a minha pessoa mas poucas como A Nightmare On Elm Street. Na minha humilde opinião esta obra tinha o grande mérito de utilizar uma premissa diferente do que era costume utilizar em filmes de terror. Tal como em Matrix podemos ver cenas impossíveis que são justificadas pelo facto de ocorrerem dentro de um mundo irreal aqui a premissa é semelhante pois tudo, ou quase tudo, acontece dentro dos sonhos. É assustador, diferente e, acima de tudo, resulta muito bem.


A história do filme anda à volta de um assassino de crianças que foi morto por um grupo de jovens depois de encurralado em sua casa. Os filhos desses outrora jovens começam a ter estranhos pesadelos com um indíviduo todo queimado, com um chapéu e camisola verde e vermelha e uma luva que é feita de lâminas. Quando adolescentes que tinham estes pesadelos começam a morrer devido aos mesmos a jovem Nancy (Heather Langenkam) começa a investigar a verdadeira história por trás do assassino, descobrindo que, todas as pessoas assassinadas, eram filhos de pessoas envolvidas na morte de Freddy Krueger, o assassino de crianças morto anos atrás...


A Nightmare In Elm Street é hoje em dia um clássico e o nome Freddy Krueger conhecido mundialmente. A fama é tanta que, quando estreou o sexto filme da série Los Angeles declarou esse dias como o dia do Freddy Krueger. A história, como se pode verificar, é muito interessante colocando os protagonistas num universo cheio de possibilidades e nunca até então explorado. Os protagonistas (ver Johnny Deep aqui no seu principal papel é verdadeiramente delicioso) cumprem o seu papel como reis dos gritos e Robert Englund tem aqui o seu papel mais emblemático tendo ficado tão famoso como a criatura que ajudou a criar. Os efeitos especiais e visuais aguentam-se muito bem tendo em conta a data do filme, 1984, e Wes Craven realiza assim o filme que permitiu à New Line Cinema sobreviver (o que seria de nós sem esta brilhante companhia).


Concluindo, A Nightmare On Elm Street é, por créditos próprios, um filme de culto, extraordinário dentro do seu género e que deu início a uma das mais inteligentes sagas de filmes de terror. A grande estrela é indiscutivelmente Freddy Krueger, o mau da fita, que é, oje, uma das mais conhecidas figuras do cinema mundial. Aconselhado vivamente ambora com precauções para os de coração fraco...


Bons filmes e até para a semana...


® Bruno Sá

3 Comments:

At 8:53 da tarde, Blogger membio said...

recentemente revi este filme e curiosamente continua a aguentar-se com o passar dos anos... Continua a ser uma boa história e um excelente personagem. Para quando um remake deste ehehehe!!!!

 
At 10:28 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Pesadelo em Elm Strett marcou na verdade uma época. Recentemente revi o filme,e tirando a cena da idade que nos faz olhar para os filmes de outra maneira do que quando vimos... voltei a gostar dele! Surpreendeu-me os dois colchões que aparecem por breves segundos em duas cenas, quando uma personagem salta de uma varanda, e quando o Freddy rebola numa escada lol Erros de montagem, mas fazem parte do pacote do "velhinho filme de terror que marcou a infância"lol Quanto à opiniao do remake, descrita em cima..nao concordo. Há filmes que valem por si...e o Freddy já nao merece um remake, já foi demasiado crixificado.

Cumprimentos, André

 
At 1:38 da tarde, Anonymous S0LO said...

Está na minha lista de filmes a ver :P!

Cumps.

 

Enviar um comentário

<< Home